COMPARTILHANDO FATOS, IDÉIAS E VIDA ENQUANTO CAMINHAMOS

20 de fev de 2008

CAIO FÁBIO CONTA TUDO!

Esse o nome do vídeo que contém uma longa entrevista minha concedida há vários meses [não lembro a data, mas faz meses] e que hoje tem me gerado um monte de e-mails chatos, de gente fanática, e que ou se concentra em defender "os líderes malagélicos"; ou, então, gente que fica me perguntando se tenho provas do que digo.

Ora, quanto aos fanáticos, o caminho é simples: Delete! Assim, sem resposta... Não tenho nem o tempo e nem o interesse.

Quanto aos que desejam saber se tenho "provas", respondo:

Não diria se não as tivesse;

Não disse nada que não tenha dito antes; seja no meu livro "Confissões de um Pastor" [publicado em 1996- Ed. Record]; ou aqui no site. Quem desejar os links escreva para ana@caiofabio.com

À exceção de coisas mais recentes, tudo o mais eu disse olhando no rosto dos implicados. Eles sabem por mim, pois a maior parte das coisas eles disseram a mim. Nenhum deles está assustado com as "revelações", pois, para eles, elas não são novas [tanto por não serem, como também porque eles as praticaram]; mas sim estão assustados com a repercussão. Eles sempre souberam. A menos que sofram de amnésia. E já houve quem fosse reclamar de mim que infelizmente estava entrando para a História de modo ruim. Eu disse que se arrependesse, pois, meu livro não era psicografado, e nem a nossa era uma conversa pós-morte; portanto, disse, tudo pode ser mudado se você mudar.

Ora, não sou juiz de ninguém.

Não disse que eles estão indo para o inferno.

O que disse é que eles corrompem a Palavra, mentem e fazem tudo por dinheiro e poder.

Ora, isto não é juízo, é fato; fato deles comigo e em minha presença confessado.

Não disse "conseqüências"...

O juízo habita a descrição que fixa o individuo como imutável, e, além disso, vem carregado de "conseqüências". Jamais fiz isso. Pois, oro para que se convertam ao Evangelho da Verdade e da Graça.

O que disse, o disse como qualquer profeta diria; ou como qualquer homem da verdade o faria; ou como qualquer apóstolo o denunciaria; posto que eles mesmos o fizerem, citando nomes: Hemineu, Fileto, Alexandre [o latoeiro], Demas, Diótrefes, etc.

Leia: Judas e a Graça Brincalhona! A LINGUAGEM QUE CORRÓI COMO CÂNCER

Assim, o que disse no vídeo é o que é e como foi. E nenhum deles pode me olhar nos olhos e dizer que não foi assim. Nenhum.

Entretanto, reafirmando tudo o que disse, devo dizer que desde a gravação do vídeo [embora eles sejam as mesmas pessoas e fazendo até pior] eu mudei; e mudei em relação a tudo isso; sem mudar de opinião em nada; e sem retirar nada do que disse; embora, meu ser esteja em outra tão maior, que esse tema só me cansa.

Lamento que o vídeo tenha demorado tanto a sair... Pegou-me "sem saco" para ele e para nada disso... Possivelmente eu jamais tenha paciência para isso outra vez na vida.

Hoje meu espírito está assim como dito neste link: DISCERNINDO E ARRANCANDO RAÍZES DE AMARGURA

Por isso, caso você veja o vídeo, nem perca tempo escrevendo e perguntando, pois, o que disse é como foi, vi, outros viram, e os implicados sabem que foi.

Eu, porém, não fui chamado para responder a tais curiosidades.

Se crêem no que digo, dito está. Se não crêem, então, que nem se ocupem; afinal, quem se ocupa do que não crê? Ora, somente um louco ou alguém que não creia que a verdade tem poder em si mesma.

Ora, tudo o que disse o disse na luz de minha melhor consciência; e o fiz como denuncia a esse circo de maldades e manipulações que aí está...

Só que de lá para cá Deus já me levou tão longe que as cartas sobre esse vídeo me parecem questões de um eco tão antigo que já nem trato como real. Afinal, eu mudei muito, e meu ser, hoje, não tem mais energia para nada disso.

Assim, quem perguntar ficará sem resposta. Minha resposta de hoje está aqui; e minha resposta de ontem é o vídeo.

Nele, em Quem nada se pode contra a verdade senão em favor da verdade,

Caio

12/09/07 – Manaus/AM

Nenhum comentário: