COMPARTILHANDO FATOS, IDÉIAS E VIDA ENQUANTO CAMINHAMOS

18 de dez de 2008

ROGUEM PARA QUE ATENTEM PARA O AMOR DO PAI!

De: Valmir Bodruc
Enviada em: segunda-feira, 15 de dezembro de 2008 13:01
Para: caminhoemsantos@googlegroups.com
Cc: 'marcelo quintela'; 'Carlos Bregantim'
Assunto: COMO FOI: Carlos Bregantim na Estação Santos


 

Queridos do Caminho em Santos, Bregantim e Marcelo meu amigo!


 

O Bregantim esteve conosco na Estação Santos. Nem preciso dizer que foi muito bom, pois a sua presença me agrada até se ele viesse e ficasse quieto, mas ele trouxe o uma mensagem que vinha ardendo seu coração.


 

Falou de Deus Pai, Filho e Espírito Santo, falou que existe um relacionamento de amor, e tudo é harmonia na trindade. Deus se basta, não carece de nada, nada mesmo. Ele não vive carente de amor, Ele é Amor!


 

Ele estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não deixando sobre nós os nossos pecados e nos deu o ministério da reconciliação!


 

É comum querermos saber o que vamos fazer para agradá-lo (isso é, livrar a nossa cara diante Dele), e daí saímos com uma lista de mandamentos para agradar a Deus.


 

"Senhor, quanto é que eu pago para entrar nesse negócio de salvação, de santidade etc.?"

"Quais são os mandamentos que devo seguir, sinceramente Senhor, me fale que eu to dentro, o Senhor sabe!"


 

Manos, somos chamados a AMAR A DEUS!


 

A conseqüência de amar, é que nos leva a fazer ou não alguma coisa.


 

Lembro de ter abandonado coisas por amor à minha esposa, Luciana, em cada decisão tomada, eu tinha no meu coração o amor por ela, nada fiz ou deixei de fazer porque NÃO PODIA, mas, porque não dava mais pra não mudar.


 

Amar ao Senhor é dar razão a Ele, de que somos pessoas incapazes de amar, e incapazes de não amar (por causa do constrangimento do seu amor por nós).

Vivemos desejando deixar de ser tudo aquilo que não tem nada a ver com amor, por isso insistimos em amar, mesmo incapazes, somos capacitados a continuar caminhando por esse Caminho sobremodo excelente, o AMOR.


 

"Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama!" Jesus


 

 Vivamos de tal modo que entendamos que guardar seus mandamentos é conseqüência de amá-lo, e não o meio de amá-lo.


 

Simples assim, amá-lo nos leva a guardar seus mandamentos. Assim como um filho nosso, que se esquiva de um mal caminho por entender que prosseguir seria não amar seus pais. Não é não pode, é desculpe, mas, não vai dar, não vou conseguir.


 

Portanto, conforme citou o Brega: ROGUEM PARA QUE ATENTEM PARA O AMOR DO PAI!


 

O Deus que é amor amou, e as pessoas precisam saber disso, Deus os ama e já fez tudo em amor, basta aceitar ser amado.


 

Lembrei de uma música antiga: eu venho como estou...


 

Venha. Ele te ama desse jeitão que você é. Descanse nisso, dê razão a Ele, ame-o naturalmente como você é, sem esforço nenhum, naturalmente mano!


 

O resto é conseqüência.


 

Nele, que me conhece, sabe o traste que sou, mas que habita em meu coração, está onde estou, e estarei onde Ele está.


 

Beijos.


 

Obrigado Brega, por participar seu coração conosco eu amigo.


 


 

Valmir Bodruc

Nenhum comentário: